Arquivo da tag: odontologia para bebê

Odontologia para bebês

bebe juntos

Hoje tive uma conversa bem legal com uma vovó de primeira viagem – o que me motivou a escrever sobre o assunto.

Nasceu sua primeira netinha e ela estava indignada porque sua filha estava levando ao dentista a  bebezinha, que nem dentes ainda tinha. Foi junto à consulta, o que acabou tornando-a até mais produtiva. Afinal, eram tantas dúvidas que elas mesmas nem imaginavam que tinham. No final da consulta, a avó que havia chegado desconfiada, comentou: ” – pena que na época que eu fui mãe, a gente não conhecia a odontopediatria.” Tive de concordar com ela….

A odontologia para bebês nao é tão nova assim, mas atualmente, através de estudos científicos, consegue comprovar sua eficácia quando o assunto é sucesso pela prevenção precoce. Está fundamentada no conceito de que a educação gera a prevenção e, desta forma, atua em 3 níveis: o educativo, junto aos pais e a criança. O preventivo, que aborda os fatores de risco e seus controles. E o terapêutico, com a realização de procedimentos curativos visando a resolução de problemas específicos e emergenciais.

Algumas questões que devem ser observadas até mesmo antes do nascimento da criança:

Pré – natal odontológico:

O pré- natal odontológico inclui: o tratamento da gestante e as orientações sobre os cuidados que a mamãe deve ter com a sua saúde oral para que seu filho também nasça com saúde.

A amamentação natural, não só por sua função afetiva e nutricional, fundamental para a saúde geral do bebê. O exercício muscular durante a sucção ao seio favorece a respiração nasal e ajuda na prevenção de problemas de posicionamento incorreto dos dentes e estruturas faciais.

A importância da amamentação para os dentes do bebê

É necessário limpar a boquinha do neném que ainda nem tem dentes?

Sim! A estimulação da higiene bucal deve ser feita antes mesmo do primeiro dentinho nascer, pois deve-se criar um ambiente sadio e ideal para a chegada destes. A limpeza pode ser realizada com uma gaze (seca ou molhada em água filtrada) envolta no indicador do adulto e passada na mucosa e gengiva da criança. Com esse treinamento o bebê vai se acostumando desde pequeno com a manipulação da sua cavidade oral, com a entrada de objetos estranhos na boca (dedeira, escova, gaze) – o que facilita o aprendizado no futuro. Portanto, essa higiene pode ser realizada somente uma vez ao dia, no intuito de remover regugitação e estagnação do leite

Curiosidade:

A boca do recém-nascido não apresenta bactérias típicas da cárie e das doenças da gengiva. Apenas com a erupção dos primeiros dentes é que estas bactérias se instalam e em 90% dos casos sao transmitidos pelos pais. Como? Beijinhos na boca, quando se assopram alimentos para esfriá-los, compartilhamento de alheres, chupar a a chupeta antes de dar para criança com a intenção de limpá-la, etc.

A primeira visita do bebê ao Odontopediatra

A primeira visita ao Odontopediatra deve ocorrer de preferência antes do nascimento dos dentes no bebê. Caso a mamãe já tenha realizado o pré-natal odontológico na gestação, no início da erupção dos primeiros dentinhos.

Nesta visita, a mãe receberá orientações sobre: dieta, higiene, aplicação de flúor, transmissibilidade da cárie, uso adequado da mamadeira e chupeta e, também, sobre a correção de maus hábitos como a sucção de dedo.

No exame clínico serão avaliados diversos aspectos como: a relação entre as arcadas superior e inferior, a inserção dos freios labiais e lingual, a postura lingual e labial, a aparência anatômica dos rebordos gengivais, assim como o posicionamento dos dentes. E serão realizados também os precedimentos preventivos pertinentes.

Link: primeira visita ao dentista, dicas e dúvidas sobre a primeira consulta

Anúncios